Endividamento de uma empresa: Por que isso pode ser um bom indicativo para investir nela?

Endividamento de uma empresa: Por que isso pode ser um bom indicativo para investir nela?

Endividamento de ema empresa

Pode parecer contraditório, mas sabia que o endividamento de uma empresa pode ser um bom indicativo para investir nela? Geralmente, tendemos a pensar que saúde financeira é sinônimo de não conter ou não possuir dívidas, o que se constitui em erro para a inteligência financeira.

A seguir, entenda melhor por que o endividamento de uma empresa pode ser um bom indicativo para investir nela.

Endividamento de uma empresa: a dívida boa e a dívida ruim

Em relação à expressão “endividamento de uma empresa”, podemos interpretá-la de duas maneiras. A primeira é tomada pelo sentido mais comum, que é uma empresa que está passando por dificuldades financeiras. É uma forma de compreensão um tanto limitada, se observada pelo viés da gestão financeira. Ela é chamada de dívida ruim.

A segunda, que é foco deste conteúdo, vê o “endividamento de uma empresa” como um bom indicador para se investir nela.

Os especialistas, com relação a essa segunda concepção, tratam o endividamento de uma empresa como sendo uma dívida do bem. Ela pode fazer com que o empreendimento se desenvolva economicamente, podendo crescer no mercado.

Endividamento de uma empresa sob a ótica do investimento

Ao longo da trajetória de uma empresa, ela tanto contrai, como paga dívidas diariamente, como por exemplo, compra de produtos e pagamento a fornecedores. É uma operação que está, de certo modo, intrínseca a sua existência, ou seja, é uma condição indispensável para que ela passe a funcionar adequadamente, com eficiência e produtividade.

Além de investir na compra de produtos ou mercadorias, o que não deixa de ser uma forma de “investimento”, afinal, pode fazer com que ela aumente a sua receita, com as vendas dos produtos, a empresa pode diversificar a aplicação do seu capital, ou seja, receita, comprando, por exemplo, ações, títulos públicos entre outras formas de investimento.

Ao fazer isso, a empresa estará, de certa maneira, contraindo dívidas, mas boas, pois poderão fazer com que a marca constitua mais de uma fonte de renda e maximize a sua rentabilidade.

Mas veja bem, para que a empresa faça bons negócios, aplicando adequadamente o seu capital, é essencial estudar muito bem o mercado e conhecer as melhores opções de investimentos disponíveis.

O endividamento de uma empresa é sinal de que o seu capital está girando

Por fim, não podemos deixar de ressaltar que o endividamento de uma empresa é sinal de que o seu capital está girando, ou seja, que ela pode estar aplicando-o adequadamente, de modo a obter mais crescimento.

Na ótica da gestão financeira e do investimento, dinheiro parado não gera bons rendimentos. Por isso, o mais recomendado é investi-lo em soluções que podem fazer com que ele triplique.

Agora que sabe que pode ser positivo o endividamento de uma empresa, procure aquelas que fazem as chamadas dívidas boas e invista nelas.

Ficou alguma dúvida? Em caso de resposta positiva, não deixe de comentar aqui embaixo.

Laís Pizzingrilli

Deixe uma resposta

Facebook
LinkedIn
Instagram