8 conceitos fundamentais para ter uma boa saúde financeira

8 conceitos fundamentais para ter uma boa saúde financeira

Saúde financeira

O sonho de qualquer pessoa é ter uma boa saúde financeira. Ou seja, possuir uma vida financeira equilibrada, com todas as contas em dia e com uma sobra para investir.

A questão é que 99% dessas pessoas que querem estar nesse cenário, não fazem as ações necessárias para desfrutar da tranquilidade desejada. Mas, não se preocupe, a boa notícia é que, não importa quanto você recebe por mês, existem dicas simples que te ajudarão a alcançar seus objetivos.

1. Defina seus objetivos financeiros:

Ter o conhecimento sobre o que e como fazer algo, não adianta muito caso você não saiba onde queira chegar. Então, quando você possui um objetivo financeiro, é possível saber quanto falta para ele ser alcançado e, consequentemente, te ajuda a ter foco e alcançá-los mais facilmente.

2. Elabore seu orçamento:

A elaboração do orçamento financeiro te ajuda a possuir uma visão ampla de quanto você pode gastar e investir. Ele é feito em três passos:

  1. Identificação de como o seu dinheiro está sendo gasto hoje em dia;
  2. Avaliação dos seus gastos atuais e definição de metas de despesas (vinculadas com seus objetivos financeiros de longo prazo);
  3. Acompanhamento de suas futuras despesas para certificação de que estejam no seu planejamento.

3. Controle suas dívidas:

Controlar suas dívidas é essencial para sua saúde financeira. Mas vale lembrar que existem dívidas boas (financiamento de casa própria, por exemplo) e dívidas ruins (cartão de crédito ou cheque especial). O importante aqui, é se livrar das ruins o mais rápido possível.

Além disso, uma dica é começar os pagamentos das dívidas com taxas de juros mais altas.

4. Faça sua reserva para emergências:

É necessário estar preparado para qualquer imprevisto futuro, como um problema de saúde, por exemplo. Por isso, precisamos montar um fundo para emergências como forma de prevenção e para termos uma tranquilidade financeira quando o risco vier.

5. Invista em educação financeira:

O investimento em sua educação financeira é, sem dúvidas, o mais rentável que existe. Por isso, antes de aprender a investir seu dinheiro, é fundamental ter uma base sólida e uma boa educação financeira para saber lidar com seu dinheiro. Isso te impedirá de deixar seu capital nas mãos de outros, como gerentes bancários, para administrá-lo.

6. Tenha disciplina:

Sem disciplina, é impossível seguir um planejamento e alcançar seus objetivos. De fato, é muito comum sabotarmos nossos planos, como gastar mais do que calculamos, se não temos disciplina. E essa ação pode causar danos irreversíveis no futuro.

7. Seja equilibrado:

O objetivo ideal é uma vida financeira bem no presente e no futuro. Ao investir nosso dinheiro, devemos dividir o montante entre objetivos de curto prazo (uma viagem, por exemplo), mas também para os mais distantes (como a aposentadoria).

8. Invista, diversifique sua carteira e não pare de aprender!

Quanto mais jovens somos, mais tempo temos para investir. Por isso, estude sobre cada opção de investimento e veja o que mais se adequa ao seu perfil.

Investimentos em rendas variáveis, como no modelo P2P Lending, costumam entregar um retorno bem superior comparado a rentabilidade da renda fixa. Mas, é necessário que haja uma boa estratégia de investimentos.

Por fim, vale lembrar que para ter sucesso nos investimentos, é fundamental possuir uma estratégia para balancear e diversificar sua carteira de investimentos periodicamente. Assim, você evita riscos e recebe uma rentabilidade melhor.

Ainda tem dúvidas sobre como ter uma boa saúde financeira? Continue sempre buscando novas informações e comente aqui embaixo qual é a sua dúvida.

Laís Pizzingrilli

Deixe uma resposta

Facebook
LinkedIn
Instagram